Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
2

BE: Governo "cúmplice" da venda da PT a um 'fundo abutre'

Mariana Mortágua acusa o Estado de ser "conivente com a entrega da empresa ao capital estrangeiro"
22 de Janeiro de 2015 às 22:55
Mariana Mortágua, deputada do Bloco de Esquerda
Mariana Mortágua, deputada do Bloco de Esquerda FOTO: Enric Vives-Rubio 

O Bloco de Esquerda manifestou esta quinta-feira "indignação" pela aprovação em assembleia-geral da venda da PT Portugal à Altice, acusando o Governo de ter sido "cúmplice" da venda de uma das mais importantes empresas portuguesas a um 'fundo abutre'.

"Ao não querer agir e proteger o país, ao não liderar uma alternativa à venda da PT Portugal, o Estado é cúmplice da entrega da empresa que tem o monopólio das infraestruturas de comunicações, uma empresa que tem centros de investigação, que emprega milhares de trabalhadores a um 'fundo abutre'", afirmou a deputada do BE Mariana Mortágua.


Para a deputada bloquista, "o Estado foi conivente com a entrega de uma das mais importantes empresas portuguesas ao capital estrangeiro, que tem como único objetivo retirar lucro e dividendos da PT Portugal, tal como já fizeram com a PT SGPS no passado, com um futuro incerto para os trabalhadores, um futuro incerto para a economia nacional".

Bloco de Esquerda BE venda PT Portugal Altice fundo abutre
Ver comentários