Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
9

POSTO FISCAL DA ARRÁBIDA ARREMATADO POR UM MILHÃO

O Governo arrecadou ontem em hasta pública mais de 2,5 milhões de euros com a venda de dois imóveis do Estado, valor muito acima da base de licitação. Só o ex-posto fiscal do Portinho da Arrábida foi vendido pelo triplo do que era esperado.
8 de Outubro de 2002 às 23:02
Este imóvel, cuja base de licitação era de 350 mil euros, foi arrematado por mais de um milhão de euros. Segundo fonte do Ministério das Finanças, o ex-posto fiscal do Portinho da Arrábida foi vendido a João Crisóstomo Silva.

O imóvel foi vendido na sequência da decisão, em Setembro, de colocação em hasta pública de diverso património do Estado, com o objectivo de reduzir o défice público.

O preço base de 350 mil euros era resultante de reavaliação actual do imóvel, anteriormente avaliado por cerca de metade do valor. Foram, no entanto, apresentadas duas propostas em carta fechada, uma das quais no valor de um milhão de euros, que funcionou como nova base de licitação.

Apesar do valor elevado, ainda se desenvolveu licitação entre os presentes no auditório da Direcção-Geral do Património, tendo o ex-posto fiscal do Portinho da Arrábida sido arrematado especificamente por 1,11 milhões de euros.

Além deste imóvel, foi ainda vendido no leilão um edifício no Largo Rafael Bordalo Pinheiro, em Lisboa, por 1,515 milhões de euros, valor também acima da base de licitação.

Entre o lote de imóveis que o Governo está a vender encontram-se escolas, prédios rústicos, urbanos e militares, mais postos fiscais e casas de cantoneiros.

Números

Receita alta

A venda do património do Estado, anunciada em meados de Setembro, vai permitir ao Governo arrecadar 198,5 milhões de euros. Esta verba, obtida com a venda de 189 imóveis públicos, irá permitir reduzir em 2,8 por cento o défice do Orçamento do Estado.

Escolas caras

Com a venda de 12 escolas, o Governo espera obter 3,2 milhões de euros. Serão vendidos também postos fiscais, prédios rústicos, urbanos e militares e casas de cantoneiros. A venda de prédios militares permitirá arrecadar cerca de 26,9 milhões de euros.

Prédio valioso

O terreno ocupado até há pouco pela Estação Zootécnica de Produção Animal na Falagueira, Venda Nova, é o imóvel público mais valioso que está venda. Tem um preço base de licitação de 52,5 milhões de euros. Há outro na praça por 32,5 milhões de euros.
Ver comentários