Barra Cofina

Correio da Manhã

Insólitos
4

‘Bruxa da Vagina’ usa varinhas para ajudar mulheres no sexo

Médium estudou ioga vaginal durante vários anos na Índia.
1 de Fevereiro de 2018 às 18:36
‘Bruxa da Vagina’ usa varinhas para ajudar mulheres no sexo
‘Bruxa da Vagina’ usa varinhas para ajudar mulheres no sexo
‘Bruxa da Vagina’ usa varinhas para ajudar mulheres no sexo
‘Bruxa da Vagina’ usa varinhas para ajudar mulheres no sexo
‘Bruxa da Vagina’ usa varinhas para ajudar mulheres no sexo
‘Bruxa da Vagina’ usa varinhas para ajudar mulheres no sexo
‘Bruxa da Vagina’ usa varinhas para ajudar mulheres no sexo
‘Bruxa da Vagina’ usa varinhas para ajudar mulheres no sexo
‘Bruxa da Vagina’ usa varinhas para ajudar mulheres no sexo
‘Bruxa da Vagina’ usa varinhas para ajudar mulheres no sexo
‘Bruxa da Vagina’ usa varinhas para ajudar mulheres no sexo
‘Bruxa da Vagina’ usa varinhas para ajudar mulheres no sexo
‘Bruxa da Vagina’ usa varinhas para ajudar mulheres no sexo
‘Bruxa da Vagina’ usa varinhas para ajudar mulheres no sexo
‘Bruxa da Vagina’ usa varinhas para ajudar mulheres no sexo

Courtney Maria Halsted é uma terapeuta inglesa que está a dar que falar. A mulher, de 31 anos, descreve-se agora como a ‘Bruxa da Vagina’ e ensina mulheres a usar a meditação e o ioga para melhorarem as suas vidas sexuais. As ‘aulas’ com esta bruxa incluem a utilização de varinhas mágicas especiais  que são usadas em massagens.

Courtney conta que desde criança se sentiu atraída para o mundo do misticismo e da bruxaria, tendo aprofundado a sua especialidade com vários gurus na Índia, onde a australiana praticou ioga yoni (ioga vaginal) durante vários anos.

A médium mudou-se para Melbourne, na Austrália, e estabeleceu o seu consultório, que se tem revelado um sucesso. Com consultas presenciais e até por Skype, Courtney usa técnicas de respiração, relaxamento, concertação e meditação para que as suas seguidoras consigam "recolher o poder da pélvis" e melhorar o sexo.

"É tudo uma questão de olhar para o interior de cada um de nós e encontrar quem somos através do sexo e da consciência. A base da minha terapia é o ioga yoni. Ensino às mulheres que o corpo feminino é um templo e como conseguir aumentar a sensibilidade na vagina. Isto envolve uma varinha de jade, que é inserida na vagina das minhas pacientes", explica a bruxa.

"São elas que têm que usar as varinhas internamente até que cheguem ao orgasmos, para abrir áreas adormecidas dos tecidos vaginais. É como se fosse massajar um nó muscular", continua Courtney.

A médium estudou várias terapias alternativas na Europa, América so Sul, Norte de África e Ásia. A maioria das clientes são da Austrália, Estados Unidos e Europa, com idades compreendidas entre os 20 e os 70 anos.

"Outra das minhas práticas é o processo de ativação por meditação: envolve aprender os vários pontos de orgasmos da vagina para aumentar o prazer", explica a terapeuta.

Courtney diz que não tem por hábito lançar feitiços, preferindo praticar rituais para que as mulheres que ajuda se sintam mais fortes.

"A sociedade está cada vez mais aberta a terapias alternativas. O medo da sexualidade já está fora de tempo, e cada vez mais pessoas vão percebendo isso. Assumir que somos seres sexuais é o primeiro passo para nos sentirmos poderosos e capazes"; conclui a ‘Bruxa da Vagina’.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)