Barra Cofina

Correio da Manhã

Eu Repórter CM
5

Moradores em Massamá temem queda de ramos de eucalipto

Este mês, em Sintra, a queda de um eucalipto matou duas pessoas e feriu três com gravidade. Em Massamá, freguesia do concelho de Sintra, na Praceta Cristóvão Falcão, numa espécie de matagal, continua a crescer um eucalipto que atinge uma altura superior a sete andares e com ramos quase a soltarem-se.
31 de Agosto de 2006 às 00:00
Senhores da Junta de Freguesia de Massamá e da Câmara de Sintra não deixem que se repitam tragédias. Mesmo que não façam mais nada naquela praceta.
Armindo Antunes, Massamá
RESPOSTA
Desloquei-me ao local, acompanhado de um técnico, e posso informar que dois dos ramos do eucalipto vão ser cortados o mais rapidamente possível. Não porque ameacem cair, mas porque estão a dificultar o crescimento de outras árvores. É preciso uma grua para o efeito. Então será feita também a limpeza do tronco, no qual não se vislumbra qualquer fissura.
Posteriormente, em finais de Setembro, vai ser feita no local uma limpeza criteriosa, para dar mais abertura àquele espaço. Há ali muitas plantas de crescimento rápido que estão deslocadas, O ideal seria a requalificação da praceta, com a criação de um parque de estacionamento subterrâneo, mas para já apenas temos possibilidade de realizar as duas intervenções já referidas.
José Pedro Matias, Presidente da Junta de Freguesia de Massamá
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)