Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Abraço de irmãos que lutam contra cancro emociona a Internet

Mãe dos menores achou que era a última vez que estariam juntos e decidiu fotografá-los.
5 de Março de 2018 às 13:43
Jacob e Sophia são inseparáveis
Jacob e Sophia são inseparáveis
Jacob e Sophia são inseparáveis
Jacob e Sophia são inseparáveis
Jacob e Sophia são inseparáveis
Jacob e Sophia são inseparáveis
Jacob e Sophia são inseparáveis
Jacob e Sophia são inseparáveis
Jacob e Sophia são inseparáveis
Jacob e Sophia são inseparáveis
Jacob e Sophia são inseparáveis
Jacob e Sophia são inseparáveis
Jacob e Sophia são inseparáveis
Jacob e Sophia são inseparáveis
Jacob e Sophia são inseparáveis

Dois irmãos canadianos estão juntos numa árdua luta contra o cancro. Jacob Randell, de 14 anos, e a irmã, a pequena Sophia, de apenas cinco, surgem numa fotografia a dar um abraço. A imagem foi partilhada pela mãe das crianças no Facebook, por achar que aquele poderia ser o último momento dos dois filhos juntos, e está a conquistar as redes sociais.

Jacob tinha 5 anos quando descobriu o primeiro tumor no cérebro. Foi diagnosticado com uma forma muito agressiva de cancro no cérebro mas sobreviveu. Perdeu a visão num olho e a audição num ouvido como resultado. A luta contra o cancro durou 10 meses e tudo parecia estar bem.

Nasceu Sophia e, por precaução, a família fez testes. A menina acusou os mesmos marcadores genéticos responsáveis pelo aparecimento dos tumores no irmão, e deixou os médicos e toda a família em alerta.

O pior veio a concretizar-se: em 2016 Sophia foi diagnosticada com cancro no hemisfério esquerdo do cérebro. Foi tratada e sujeita a cirurgias, rodeada de toda a família e superou a doença. A menina estava ainda a recuperar no hospital quando, há poucas semanas, o irmão começou a ficar doente.

Jacob foi diagnosticado com cancro nos rins e, na mesma semana, os médicos informaram a família de que o cancro no cérebro de Sophia tinha voltado. Foi nesse momento que os dois irmãos se abraçaram no sofá do hospital.

"Esta foi a fotografia mais triste que tirei. Fez-me doer os olhos e o coração. Estou destroçada. Toda a nossa família está destroçada. Não é a vida que imaginei para eles, mas é a que tenho e vou caminhar ao lado dos meus filhos em casa passo deste caminho. Tu e a tua irmã abraçaram-se com tanta força. Agora somos nós a agarrar-vos aos dois", escreveu a mãe Liliane Randell.

A imagem e a história trágica desta família depressa se tornou viral. Os dois irmãos foram agora mudados para o mesmo quarto, para poderem estar sempre juntos no novo combate contra o cancro que ambos enfrentam.

Entretanto, para ajudar a família a fazer frente às despesas médicas, foi criada uma página para angariação de fundos na plataforma GoFundMe. "Sabem quando os vossos filhos querem fazer alguma coisa, ou vos pedem para fazer algo e vocês dizem ‘mais tarde’ ou ‘noutra altura’? Brincar com bonecas, passear no parque, jogar um jogo de tabuleiro,...Façam-no agora. Agora. Não esperem. Tenho tantos arrependimentos por causa dos ‘agora não dá jeito’ na minha cabeça", finaliza Liliane, que deixa o conselho a todos os pais.

Jacob e Sophie, que vivem com a família no Quebeque, estão a ser tratados no Children’s Hospital of Eastern Ontario, em Ottawa.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)