Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Associações de Macau 'casam' vinho e gastronomia lusa para 'fintar' crise económica

Para a Confraria dos Enófilos de Macau esta é mais uma oportunidade para 'vender' os vinhos portugueses no mercado asiático.
Lusa 13 de Junho de 2021 às 08:03
Vinhos portugueses aprovados
Vinhos portugueses aprovados FOTO: d.r.
Associações de Macau vão organizar este mês um evento que 'casa' gastronomia e vinhos portugueses, inserido na iniciativa "Junho, Mês de Portugal", também para 'fintar' a crise económica devido à pandemia, disse à Lusa a organização.

O evento, coorganizado pela Confraria dos Enófilos de Macau e pela empresa DOC DMC Macau, chama-se "Experimenta Portugal", dura dois dias e, além da harmonização de vinhos com pratos portugueses, propõe ainda a realização de duas 'masterclass' de vinhos, marcando o final das comemorações em Macau do 10 de Junho, Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas.

"Organizamos há alguns anos um grande festival, que tinha o apoio do Governo de Macau. Era um festival de outra dimensão, com milhares de pessoas", lembrou o responsável da DOC DMC Macau, Bruno Simões.

Mas agora, por causa da pandemia foram "obrigados a modificar o conceito", que "tem tido muito sucesso, pela sua originalidade", apanhando este mês a 'boleia' das comemorações no antigo território administrado por Portugal.

"Os números são muito mais pequenos, em que o valor acrescentado é muito maior" e "é uma experiência diferente", uma "descoberta de novos vinhos e de como os combinar" com a gastronomia do país, destacou.

Para a Confraria dos Enófilos de Macau esta é mais uma oportunidade para 'vender' os vinhos portugueses no mercado asiático.

"Os vinhos portugueses têm um grande potencial para entrarem no mercado chinês e asiático", tendo-se registado "um aumento da exportação nos últimos anos", sublinhou o presidente, Filipe Cunha Santos.

Se "em Macau e em Hong Kong são já mercados com uma vasta tradição no consumo de vinhos", na China continental "são cada vez mais apreciados, há uma maior consciencialização da qualidade, do valor intrínseco dos vinhos", opinou, durante a apresentação da iniciativa que, além da gastronomia, vai dar a conhecer mais de 20 vinhos de diferentes regiões de Portugal.

Estes são eventos mais direcionados para o público em geral, mas a Confraria dos Enófilos de Macau tem vindo a apostar em iniciativas regulares, como a prova de vinhos que se realiza uma vez por mês, frisou Filipe Cunha Alves.

O "Experimenta Portugal" tem "o objetivo de fomentar o desenvolvimento da cultura culinária local" e tem lugar no restaurante português D'Ouro, numa iniciativa que tem o apoio institucional do consulado geral de Portugal em Macau e Hong Kong.

Exposições, concerto, arraial e cinema são algumas das atividades da iniciativa "Junho, Mês de Portugal", que assinala as comemorações em Macau do 10 de Junho.

O programa prolonga-se até 27 de junho, com constrangimentos devido à pandemia, dadas as limitações de viagem e de aglomerações de público.

Ver comentários