Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Hamza, o filho preferido de Osama Bin Laden

Homem foi treinado desde criança para seguir as pegadas do pai.
Daniela Vilar Santos 25 de Janeiro de 2018 às 15:28
Os filhos de Osama bin Laden
Osama Bin Laden
Bin Laden e um dos filhos
Os filhos de Osama bin Laden
Osama Bin Laden
Bin Laden e um dos filhos
Os filhos de Osama bin Laden
Osama Bin Laden
Bin Laden e um dos filhos

Hamza Bin Laden é considerado o filho preferido de Bin Laden e será, possivelmente, o próximo homem a tomar as rédeas de Al Qaeda.

Foi visto pela primeira vez em 2001 a recitar um poema, com uma voz doce, no casamento do irmão Muhammad, de 19 anos. Tinha cerca de 10 anos quando, durante o discurso, ameaçou os Estado Unidos da América. "Estou a avisar a América e o seu povo que vão enfrentar terríveis consequências se perseguirem o meu pai. Lutar contra os americanos é a base da fé", disse o menino.

Hamza voltou a ser visto num vídeo de propaganda de Al Qaeda, dois meses depois do ataque do 11 de setembro, segundo avança o site The Star. Estava com dois irmãos a brincar junto aos destroços de um helicóptero americano que, alegadamente, foi abatido por talibãs no Afeganistão.

Aos 13 anos, o filho de Bin Laden foi filmado com roupa de combate a receber instrução no deserto. No filme, publicado num site árabe, o menino dirige-se às crianças muçulmanas e fala sobre 'guerras sagradas'.

Com 14 anos, Hamza foi filmado com uma AK-47 ao ombro enquanto comemorava um ataque contra soldados do Paquistão. No filme de 19 minutos, o jovem acusa o governo paquistanês por cooperar com os EUA na luta contra Al Qaeda.

Hamza torna-se uma ameaça
O filho de Bin Laden já era conhecido como assassino e como uma ameaça quando tinha 17 anos. Hamza apoiou o atentado com explosivos artesanais na Maratona de Boston, em 2013, e foi gravado a aterrorizar o Ocidente e Israel.

Osama Bin Laden e um filho mais velho, Khalid, foram mortos em 2011, no Paquistão. Em 2017 a CIA divulgou o que foi recuperado da casa do terrorista e entre várias 'surpresas', foi encontrado um vídeo do que parece ser o casamento de Hamza. Aos 17 anos, o jovem casou com a filha de um comandante da Al Qaeda. Nas imagens, é possível ver que os convidados eram vários terroristas conhecidos. Um deles, o assassino do presidente egípcio Anwar Sadat.

Em 2017, o Departamento de Estado norte-americano incluiu Hamza Bin Laden na sua lista negra de terroristas. Depois desta decisão, o homem fica sujeito a sanções que o impedem de realizar quaisquer transações com americanos, assim como fica bloqueado qualquer património que eventualmente possa ter no país.


Hamza mostrou-se desde pequeno empenhado em seguir os passos do pai. Mostrou sempre ser um orador carismático, tal como Bin Laden. Os investigadores afirmam que Hamza foi preparado para assumir a liderança de Al Qaeda.

É o único filho da terceira mulher de Osama, Khairiah Sabar. Foram encontradas cartas no complexo do cabecilha de Al Qaeda que mostram que Hamza se iria juntar ao pai.

"Quantas vezes, das profundezas do meu coração, eu queria estar ao teu lado", escreveu o jovem em 2009. Lembro-me de cada sorriso teu para mim, cada palavra que me disseste, cada olhar que me deste", disse.

O paradeiro de Hamza é hoje um mistério. Esteve escondido até há dois anos, quando manifestou apreço pelos ataques terroristas em Londes. A última vez que foi visto estava na Síria, em maio deste ano.

Não se sabe onde vive e não são conhecidas imagens suas na idade adulta. Terá 28 ou 29 anos e permanece na lista dos terroristas mais procurados do mundo.

Filho de Hamza morreu aos 12 anos
Osama Bin Laden, neto de Osama Bin Laden e filho de Hamza, morreu em janeiro deste ano. Foi Hamza que deu a notícia lamentando a morte do menino. "Um mártir pela causa, o herdeiro do legado de Osama Bin Laden", disse.

A carta do novo líder de Al Qaeda não revela a idade nem como morreu o pequeno Osama Bin Laden. A agência de notícias Al Arabiya, na Arábia Saudita, adiantou que a criança tinha 12 anos e que morreu devido a uma doença. No entanto, outros órgãos de comunicação, dão conta de relatos não confirmados de que o neto de Bin Laden morreu num ataque aéreo na fronteira entre o Paquistão e o Afeganistão.

"Hamza Bin Laden e a sua honrada família celebram o martírio do filho, Osama Bin Laden,que Alá o receba e proteja", lê-se na carta escrita pelo filho de Bin Laden.

Hamza Al Qaeda Estado Unidos da América Muhammad 11 de setembro Afeganistão
Ver comentários