Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Homem mata bebé com leite de chocolate envenenado

Suspeito confessou ter utilizado veneno de rato.
Natacha Nunes Costa 2 de Setembro de 2016 às 01:40
Adónis Negri (à esquerda) confessou ter envenenado o leite com chocolate que o menino de dois anos bebeu. Deuel Rezende (à direita) foi detido por ter roubado os pacotes de casa de Adónis
Adónis Negri (à esquerda) confessou ter envenenado o leite com chocolate que o menino de dois anos bebeu. Deuel Rezende (à direita) foi detido por ter roubado os pacotes de casa de Adónis FOTO: Izabel Barrizon/Gazeta Digital

Adónis José Negri, de 61 anos, confessou ter colocado veneno de rato no leite com chocolate que provocou a morte de um menino de dois anos em Cuiabá, no Brasil.

De acordo com o site brasileiro Veja, Deuel de Rezende Soares, de 27 anos, terá furtado a bebida da casa de Adónis e vendido o produto ao pai do bebé que acabou por dar o leite ao filho sem saber do envenenamento.

A autópsia ao menino confirmou a morte por ingestão de veneno de rato e a análise aos restantes pacotes de leite revelaram que estes estavam também contaminados.

À polícia, Adónis disse que envenenou os produtos com veneno de rato para matar os animais, mas Deuel garante que encontrou os pacotes de leite no frigorífico desmentindo a versão do suspeito.

Deuel é um conhecido ladrão de Cuiabá e, de acordo com as autoridades brasileiras, invadia frequentemente a residência de Adónis para roubar diversos produtos. Ao envenenar os pacotes de leite com chocolate, Adónis terá tentado envenenar Deuel. Contudo, em vez de consumir o leite, Deuel, que é toxicodependente, vendeu aos pais da criança sem saber que o produto estava contaminado.

Adónis foi detido por suspeita de homicídio e Deuel vai responder por furto qualificado.

 

homem chocolate leite bebé suspeito homicídio crime Brasil veneno rato envenenamento
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)