Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Manifestações a favor de Dilma reúnem milhares

Protesto foi convocado por centrais sindicais.
14 de Março de 2015 às 09:16
As manifestações foram pacíficas e nenhum incidente grave foi registado pela polícia
As manifestações foram pacíficas e nenhum incidente grave foi registado pela polícia FOTO: Sebastião Moreira/EPA

Os protestos em defesa da Petrobras e da presidente Dilma Rousseff, que ocorreram durante a sexta-feira em várias cidades do Brasil, reuniram 33 mil pessoas, segundo a polícia, e 175 mil, segundo os organizadores, divulgou este sábado a imprensa brasileira.

De acordo com o portal de notícias brasileiro G1, os manifestantes, que foram convocados por centrais sindicais e outras entidades, também se manifestaram pelos direitos dos trabalhadores, pela reforma agrária e pela reforma política.

Os atos foram pacíficos e nenhum incidente grave foi registado pela polícia.

Em São Paulo, a manifestação na avenida Paulista reuniu 12 mil pessoas, segundo a polícia militar (PM) e 100 mil de acordo com a Central Única dos Trabalhadores (CUT).

No centro do Rio de Janeiro, foram entre 1.000 e 1.500 pessoas, de acordo com a polícia, e 5.000 manifestantes, segundo a CUT.

No total, houve manifestações em cidades de 24 estados brasileiros e no Distrito Federal.

Brasil manifestações
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)