Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

Médica que estava na linha da frente no combate ao coronavírus em Nova Iorque acaba com a própria vida

Profissional esteve infetada com a Covid-19 mas acabou por recuperar.
Correio da Manhã 28 de Abril de 2020 às 15:04
Médica que estava na linha da frente no combate ao coronavírus em Nova Iorque acaba com a própria vida
Médica que estava na linha da frente no combate ao coronavírus em Nova Iorque acaba com a própria vida FOTO: Direitos Reservados
Uma das principais médicas de Nova Iorque que estava a combater o coronavírus nos Estados Unidos acabou com a própria vida, anunciou esta terça-feira o The New York Times.

Lorna Breen era diretora médica do departamento de emergência de um hospital em Nova Iorque.

O pai da médica de 49 prestou declarações ao jornal norte-americano e referiu que: "Ela tentou fazer o seu trabalho e acabou por matá-la".

Lorna Breen não tinha registo de qualquer problema psicológico. A médica adoeceu com coronavírus mas voltou ao trabalho cerca de uma semana e meia depois.

Mais informação sobre coronavírus AQUI.

MAPA da situação em Portugal e no Mundo.

SAIBA como colocar e retirar máscara e luvas.

APRENDA a fazer a sua máscara em casa.

CUIDADOS a ter quando recebe uma encomenda em casa.

DÚVIDAS sobre coronavírus respondidas por um médico

Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24

Nova Iorque Estados Unidos The New York Times Lorna Breen saúde política espionagem
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)