Morte de modelo ligada às festa "bunga bunga" envolta em mistério

Autoridades investigam a morte de Imane Fadil sob suspeita de se tratar de um homícidio.
16.03.19
Uma modelo assídua nas festas "bunga bunga", organizadas pelo antigo presidente italiano, Sílvio Berlusconi, morreu um mês depois de ter dado entrada nas urgências com fortes dores de estômago. Segundo as autoridades, o caso pode tratar-se de um assassinato. 

Imane Fadil, de 33 anos, morreu no dia 1 março deste ano. De acordo com o jornal The Guardian, na altura, a mulher disse aos advogados que tinha sido envenada. 

A morte da modelo apenas foi noticiada esta sexta-feira, mas as autoridades abriram uma investigação devido a várias "anomalias nos registos médicos de Imane Fadil."

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!