Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Morreram por beber vinho fermentado

Pelo menos 19 vítimas no Camboja.
13 de Dezembro de 2015 às 13:43

Até ao momento não foi feita nenhuma prisão
Até ao momento não foi feita nenhuma prisão FOTO: Getty Images

Pelo menos 19 pessoas morreram e 172 ficaram doentes depois de terem consumido vinho fermentado no nordeste do Camboja, indicou este domingo o Ministério da Saúde.


"Os exames laboratoriais permitiram apurar que havia um grau muito elevado de metanol no vinho, o qual provocou as mortes", declarou o porta-voz do ministério, Ly Sovann.


As autoridades da província de Kratie, região onde apareceram, a 19 de novembro, os primeiros casos de habitantes doentes após de terem bebido o vinho, ordenaram a todos os produtores de álcool e aos vendedores de vinho para que parassem a suam comercialização.


Segundo os exames efetuados, certos vinhos tinham um grau de álcool de 12%, enquanto o nível normal é de 0,15%.


Até ao momento, não foi feita nenhuma prisão e o ministro da Saúde, Mam Bunheng, declarou que os cambojanos deveriam parar de consumir este vinho fabricado que não é autorizado no país.


Em 2010, 17 cambojanos morreram na província oriental de Kempong Cham depois de terem bebido vinho colocado em garrafas que continham herbicidas.

Camboja Ministério da Saúde vinho fermentado
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)