Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Muro do México causa ‘fecho’ do governo dos EUA

Democratas recusam cinco mil milhões para financiar o projeto anti-imigração de Trump.
Francisco J. Gonçalves 23 de Dezembro de 2018 às 01:30
Trump pede milhões para  financiar  o polémico projeto
Donald Trump
Donald Trump
Trump pede milhões para  financiar  o polémico projeto
Donald Trump
Donald Trump
Trump pede milhões para  financiar  o polémico projeto
Donald Trump
Donald Trump
Os desentendimentos entre republicanos e democratas sobre o muro na fronteira do México contra a imigração ilegal causou este sábado um novo ‘shutdown’ (encerramento) do governo dos EUA, o terceiro do ano. Mas o presidente Donald Trump alertou que, desta vez, a situação pode prolongar-se.

"Estamos a negociar com os democratas uma muito necessária segurança fronteiriça, mas pode demorar", escreveu Trump no Twitter. O ‘fecho’ das atividades do executivo deve-se à falta de financiamento aprovado pelo Congresso, que recusou viabilizar a agenda de gastos ante a insistência de Trump em pedir cinco mil milhões de dólares para a construção do muro.

"Se quer que o governo reabra, tem de abandonar o projeto do muro", afirmou Chuck Schumer, líder da minoria democrata no Senado. Quanto ao líder da maioria republicana, frisou que não haverá votações orçamentais até que os democratas e a Casa Branca cheguem a um entendimento.

"Está tudo parado até que o presidente, de quem precisamos da assinatura, e os democratas do Senado, dos quais precisamos dos votos, se entendam", afirmou Mitch McConnell ante o plenário dos senadores.

PORMENORES 
Terceiro ‘shutdown’ do ano
Este ano houve um ‘shutdown’ em janeiro que durou três dias e um segundo em fevereiro, que durou apenas algumas horas.

Última oportunidade
Trump encara a presente negociação como a última oportunidade para obter fundos para o muro, pois em janeiro os democratas passam a ter o controlo da Câmara de Representantes.

Milhares sem salário
O ‘fecho’ do governo deixará cerca de 800 mil funcionários sem salário, ficando metade deles forçados a continuar a desempenhar tarefas "cruciais".
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)