"Nada fazia esperar uma coisa destas", conta treinador português sobre atentado na Nova Zelândia

Pedro Dias, conhecido no meio futebolístico como 'Chiquinho', ficou chocado ao saber do ato terrorista em Christchurch.
15.03.19
Pedro Dias, conhecido no meio futebolístico como 'Chiquinho', trabalha desde há cerca de um ano como treinador das camadas jovens do Waterside Karori, em Wellington, capital da Nova Zelândia.

O português estava a passar o fim de semana com a família numa ilha a sul do arquipélago quando soube do atentado terrorista em Christchurch que matou pelo menos 49 pessoas.

"A minha mulher viu a notícia no telemóvel e foi um grande choque. Nada fazia espera uma coisa destas. A Nova Zelândia é uma sociedade muito diversa, com muita tolerância, não percebo como pôde acontecer uma coisa destas", diz ao CM.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!