Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Papa afirma que festividades de Natal soam a falso

Pontífice diz que vivemos num mundo que escolheu "a guerra e o ódio".
19 de Novembro de 2015 às 18:42
O Papa Francisco falou numa homilia no Vaticano
O Papa Francisco falou numa homilia no Vaticano FOTO: EPA
O papa Francisco afirmou esta quinta-feira, numa homília no Vaticano, que as festividades de Natal soam a falso perante um mundo que escolheu "a guerra e o ódio".

"Estamos perto do Natal: haverá luzes, festas, árvores iluminadas, presépios, (...) mas é tudo falso. O mundo continua em guerra, a fazer as guerras, não compreendeu o caminho da paz", lamentou o pontífice, na homília da missa matinal, no dia em que foi instalado na praça de São Pedro um grande pinheiro para as festividades de Natal.

"Existem hoje guerras em toda a parte e ódio. (...) E o que resta? Ruínas, milhares de crianças sem educação, tantos mortos inocentes, tantos. E tanto dinheiro nos bolsos dos traficantes de armas", denunciou o papa.

Para Francisco, a guerra é a escolha de quem prefere as "riquezas" ao ser humano.

O pinheiro com 25 metros de altura instalado na praça de São Pedro é oriundo da terra natal do anterior papa e atual papa emérito Bento XVI, o estado da Baviera, no sul da Alemanha.

A árvore, que estará pronta a tempo do início do ano santo (Jubileu da Misericórdia) a 08 de dezembro, será enfeitada com ornamentos feitos por crianças com cancro que estão internadas em vários hospitais italianos.
Francisco Vaticano Natal praça de São Pedro Baviera religião questões sociais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)