Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Terra continuou a tremer durante a madrugada em Itália

O abalo de maior magnitude ocorreu às 03:27 (02:27 em Lisboa) em Perugia.
31 de Outubro de 2016 às 09:01
A catedral San Benedetto em Norcia antes e depois do sismo
Doentes retirados do hospital em Rieti
Doentes retirados do hospital em Rieti
Doentes retirados do hospital em Rieti
Fissura na estrada em Salaria
Destruição em Norcia
Destroços em L'Aquila
Destroços em L'Aquila
A catedral San Benedetto em Norcia antes e depois do sismo
Doentes retirados do hospital em Rieti
Doentes retirados do hospital em Rieti
Doentes retirados do hospital em Rieti
Fissura na estrada em Salaria
Destruição em Norcia
Destroços em L'Aquila
Destroços em L'Aquila
A catedral San Benedetto em Norcia antes e depois do sismo
Doentes retirados do hospital em Rieti
Doentes retirados do hospital em Rieti
Doentes retirados do hospital em Rieti
Fissura na estrada em Salaria
Destruição em Norcia
Destroços em L'Aquila
Destroços em L'Aquila
Vários sismos com magnitude de até 4,2 na escala de Richter afetaram durante a noite o centro de Itália, região atingida no domingo por um terramoto de 6,5, o mais potente registado no país desde 1980.

O abalo de maior magnitude ocorreu às 03:27 (02:27 em Lisboa) em Perugia, segundo o Instituto Italiano de Sismologia e Vulcanologia, que registou ainda réplicas de menor intensidade.

Rieti, Macerata e Ascoli Piceno foram os lugares onde se detetou a maioria das pequenas réplicas.

Dezenas de milhares de pessoas continuam deslocadas nas regiões da Umbria e Las Marcas.

Estima-se que cerca de 40 mil pessoas tenham sido retiradas de suas casas -- porque ficaram destruídas ou como medida de precaução -- e transferidas para acampamentos na zona ou unidades hoteleiras da vizinha costa do Adriático.

A Proteção Civil confirmou que não foram registados mortos.
Richter Itália Lisboa Proteção Civil sismo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)