Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Theresa May volta a adiar votação do Brexit

Acordo será votado a 12 de março, duas semanas antes da saída.
Ricardo Ramos 25 de Fevereiro de 2019 às 01:30
Decisão de May deixa pouco tempo para reagir em caso de novo ‘chumbo’
Theresa May
Theresa May
Decisão de May deixa pouco tempo para reagir em caso de novo ‘chumbo’
Theresa May
Theresa May
Decisão de May deixa pouco tempo para reagir em caso de novo ‘chumbo’
Theresa May
Theresa May
A primeira-ministra britânica voltou este doimingo a adiar a votação do acordo do Brexit no Parlamento, afirmando que precisa de mais tempo para negociar com Bruxelas.

Theresa May diz agora que a votação deverá ocorrer até 12 de março, duas semanas antes da data prevista para o Reino Unido deixar a UE, aumentando o risco de uma saída sem acordo.

A chefe do governo britânico tinha prometido antes que o acordo seria votado nos Comuns até 27 de fevereiro. A oposição trabalhista acusa May de adiar deliberadamente a votação para aumentar a pressão sobre o Parlamento.

Quanto mais tarde o acordo for votado, mais os deputados vão estar sob pressão para aprová-lo e evitar o risco de o país abandonar a UE sem um acordo.
UE Brexit Parlamento Bruxelas Bruxelas Comuns Theresa May política parlamento
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)