Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

Traficante de droga mais procurado do Rio de Janeiro morto em acção policial juntamente com seis membros

3N era procurado pela polícia desde abril, quando fugiu da região que comandava após uma invasão da facção rival às favelas.
Domingos Grilo Serrinha e correspondente no Brasil 26 de Novembro de 2019 às 17:56
Polícia Civil brasileira
Polícia Civil brasileira FOTO: Getty Images

Uma acção conjunta da Polícia Civil (Judiciária) e da Polícia Militar (Segurança pública) do Rio de Janeiro terminou esta terça-feira com a morte de seis traficantes de droga em Itaboraí, na região metropolitana da cidade brasileira. Um dos mortos foi Thomas Jayson Gomes Vieira, de 26 anos, conhecido como 3N, o narcotraficante mais procurado do Rio de Janeiro.

Considerado o chefe do tráfico de droga no Complexo do Salgueiro, conjunto de favelas em São Gonçalo, populosa cidade também na Grande Rio, 3N era procurado pela polícia desde Abril, quando fugiu da região que comandava após uma facção rival invadir as favelas e tomar posse dos pontos de tráfico. Na acção desta terça-feira, as autoridades recorreram a um grande número de efetivos, que contaram com a ajuda de helicópteros para localizarem o traficante, alvo da operação. 

Segundo a versão oficial, 3N e os cinco cúmplices estavam escondidos numa propriedade na zona rural de Itaboraí e, ao serem cercados pelos agentes, tentaram abrir caminho à bala. No violento confronto que se seguiu, ainda de acordo com a polícia, os seis homens foram mortos.

A perseguição ao traficante já tinha provocado uma outra matança, desta feita no Complexo da Maré, conjunto de favelas na zona norte do Rio de Janeiro. Em Maio, outro grande efetivo policial invadiu várias favelas da Maré, onde se supunha que 3N estivesse escondido. Oito pessoas foram mortas e, segundo a polícia, todas elas estavam ligadas ao mundo do crime.

A operação desta terça-feira foi precipitada pela libertação, na semana passada, por ordem do Supremo Tribunal, do maior rival de 3N, um traficante conhecido como Rabicó. A polícia descobriu que 3N se preparava para desencadear uma disputa armada com Rabicó para recuperar territórios nas favelas de São Gonçalo e antecipou-se.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)