Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Advogado na cadeia por burla de 966 mil euros em Vila Nova de Gaia

Calvão Teixeira vai cumprir pena efetiva de seis anos por burlar a Caixa Geral de Depósitos.
Ana Isabel Fonseca 23 de Fevereiro de 2021 às 08:25
Cadeia de Custóias, em Matosinhos
Cadeia de Custoias
Cadeia de Custóias, em Matosinhos
Cadeia de Custoias
Cadeia de Custóias, em Matosinhos
Cadeia de Custoias
O advogado Carlos Calvão Teixeira está já na cadeia de Custoias a cumprir uma pena efetiva de seis anos por burlar a Caixa Geral de Depósitos em 966 mil euros.

Foi detido na sexta-feira pela PSP, em Vila Nova de Gaia, depois de terem sido emitidos mandados de detenção para o cumprimento da pena, que foi fixada em 2019.

Em tribunal, o arguido confessou que forjou documentos para anular hipotecas de sete imóveis, que dera como garantia à CGD para obter empréstimos. Vendeu depois esses bens. O advogado está a ser julgado num outro caso por uma burla de 350 mil euros. 

Ver comentários