Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Agride três guardas e ameaça com doenças

Recluso ia cumprir fim de semana de prisão por condução com álcool e pontapeou carros de guardas, atacando três com garrafa de vidro.
Miguel Curado 16 de Julho de 2017 às 10:31
Cadeia do Linhó
Cadeia do Linhó FOTO: Pedro Catarino
Um homem condenado a uma pena de prisão por dias livres por condução com taxa-crime de álcool, que cumpre aos fins de semana na cadeia do Linhó, Sintra, agrediu ontem três guardas e pontapeou dois carros. Quando foi algemado, o homem ameaçou de morte os guardas e disse ter SIDA e hepatite, o que obrigou os feridos a fazer análises de despistagem das doenças.

Visivelmente alcoolizado, o homem chegou a conduzir até ao Linhó para cumprir mais um fim de semana de reclusão, a que foi condenado precisamente por conduzir embriagado. Pontapeou pelo menos dois carros de guardas-prisionais e quando foi repreendido começaram os desacatos. A GNR de Alcabideche foi chamada ao local, mas o Ministério Público decidiu manter o recluso na cadeia, ordenando a ida a tribunal amanhã. Os guardas feridos foram ao hospital para realizartestes de despistagem.

Contactados pelo CM, os Serviços Prisionais confirmaram a ocorrência, referindo que o recluso foi fechado numa cela disciplinar na cadeia do Linhó , tendo os factos sido comunicados ao Tribunal de Execução de Penas.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)