Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Recluso em preventiva morre queimado em prisão de Lisboa

Homem de 30 anos ateou fogo à própria cela.
Raquel Simões 17 de Setembro de 2019 às 09:45
A carregar o vídeo ...
Homem de 30 anos ateou fogo à própria cela.

Um homem, com cerca de 30 anos, morreu durante a madrugada desta terça-feira depois de ter ateado fogo à cela onde se encontrava detido, em prisão preventiva há seis meses, no Estabelecimento Prisional de Lisboa.

O recluso estava numa cela sozinho, na Ala E, e o fogo terá começado por volta das 23h00. Quando os Guardas Prisionais se aperceberam do incêndio foram de imediato à cela. O homem estava junto à janela, já com queimaduras graves, mas ainda com vida.

Foi transportado para o Hospital de Santa Maria, onde foram feitas manobras de reanimação mas a vítima acabou por não resistir aos ferimentos. O óbito foi declarado às 01h00.

A origem do incêndio está a ser investigada.

Lisboa Estabelecimento Prisional de Lisboa crime lei e justiça prisão
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)