Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Alicia menores problemáticas para sexo

Reformado dava prendas a raparigas acolhidas em instituição.
P.G. 3 de Dezembro de 2015 às 22:04
As vítimas estavam num lar em Coimbra
As vítimas estavam num lar em Coimbra FOTO: Ricardo Almeida
Um reformado, hoje com 63 anos, vai começar a ser julgado no Tribunal de Coimbra por aliciar raparigas menores, que estavam à guarda de uma instituição, com pequenas quantias de dinheiro, roupas, telemóveis e guloseimas, em troca de favores sexuais.

As seis vítimas tinham entre 15 e 16 anos à data dos factos, de 2011 a 2014, e estavam à guarda do Lar de S. Martinho.


São descritas como raparigas problemáticas e frágeis. Uma já tinha sido vítima de abuso sexual e outras eram dependentes de drogas. Em causa estão treze crimes de recurso à prostituição de menores, um dos quais tentado.

As seis menores eram abordadas nas imediações do lar e levadas para o centro da cidade. Era nessa altura que mantinha relações com as vítimas.
Tribunal de Coimbra julgamento sexo relações sexuais Lar de S. Martinho Coimbra prostituição menores
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)