Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Assalto a galeria rende 12 mil euros

Ladrões partiram portão e furtaram 5 pinturas e 6 fotografias.
Ana Palma 31 de Julho de 2015 às 14:52
Ladrões levaram 11 obras da galeria Arte Algarve, situada no edifício da Adega Cooperativa de Lagoa
Ladrões levaram 11 obras da galeria Arte Algarve, situada no edifício da Adega Cooperativa de Lagoa FOTO: DR
Onze obras de arte – cinco pinturas e seis fotografias –, no valor de aproximadamente 12 mil euros, foram furtadas da galeria Arte Algarve, situada no edifício da Adega Cooperativa de Lagoa, junto à EN125. A GNR foi alertada e está a investigar o caso.

"A galeria foi assaltada no passado dia 13 de julho e até agora ainda não foram encontrados os ladrões nem as peças furtadas", revelou ontem ao CM Duarte Rito, da Arte Algarve.

De acordo com aquele responsável, os ladrões entraram "pela parte de trás do edifício, através do portão da Adega, que partiram porque o portão só se podia abrir por dentro, para acederem ao interior da galeria".

Depois furtaram "três quadros da autoria do pintor Laurence Kitchen e dois de José Luís Cerra-Wollstein, bem como seis fotografias, em alumínio, de uma série limitada, de Alexandre Manuel", esclareceu. De referir que as pinturas da autoria de José Luís Cerra-Wollstein que foram furtadas têm ambas alguma dimensão, com cerca de um metro de comprimento e largura cada uma. "Penso que teremos sido as primeiras vítimas, no Algarve, de um furto de arte", referiu Duarte Rito, que se mostrou "confiante" no trabalho das autoridades para recuperar as obras de arte furtadas.

Na galeria Arte Algarve encontram-se atualmente expostos trabalhos de cerca de meia centena de artistas.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)