Ateia fogo para agradar a vidente em Cinfães

Jornaleiro diz ter acendido velas na floresta após instruções.
Por Liliana Rodrigues e L.O.|28.09.18
Convencido de que tinha sido alvo de uma feitiçaria, decidiu recorrer a uma vidente da cidade do Porto. A mulher explicou-lhe que só ficaria curado se acendesse velas, na serra de Montemuro, em Cinfães.

A receita era simples: no meio da floresta, em locais diferentes, teria de acender velas vermelhas num dia e brancas no outro. O jornaleiro, de 47 anos, justificou que seguiu essas recomendações à risca e que, por isso, acabou por atear dezenas de incêndios, no último mês, em Alhões, Cinfães.

O incendiário reincidente foi de novo detido pela Polícia Judiciária do Porto e levado esta quinta-feira a tribunal para interrogatório. Já cumpriu uma pena de três anos e três meses de cadeia por incêndio florestal.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!