Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Cerca de 22 tentilhões apreendidos em concurso em Lisboa

Valor mínimo das coimas ascende a 25 mil euros.
6 de Maio de 2019 às 15:19
PSP
PSP
PSP
PSP
PSP
PSP
Cerca de 22 tentilhões foram aprendidos durante um concurso de exibição de aves no Bairro Madre Deus, em Lisboa, em 01 de maio, resultando na identificação de sete pessoas por captura ilegal daquela ave, foi esta segunda-feira anunciado.

Em comunicado, o Comando Metropolitano de Lisboa da PSP, através das suas Brigadas de Proteção Ambiental (BriPA), refere "que se tratavam todos de espécimes selvagens que haviam sido capturados do seu habitat natural de forma ilícita", após peritagem dos inspetores do Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF).

De acordo com as autoridades, os tentilhões foram entregues no Centro de Recuperação de Animais Silvestres de Lisboa (LxCRAS) para recuperação das aves mais debilitadas.

O concurso de exibição de tentilhões mobilizou várias forças policiais, uma vez que se encontravam cerca de 150 pessoas, entre concorrentes e espetadores, na zona.

Em abril, as BriPA procederam a várias ações de fiscalização com vista à proteção da fauna selvagem, tendo apreendido 23 espécimes de espécies autóctones e seis espécimes de espécies exóticas entre as quais um réptil.

Neste período as autoridades confirmaram cerca de 13 infrações ambientais, das quais nove são graves, sendo que o valor mínimo das coimas ascende a 25 mil euros.

Por se encontrarem feridos ou debilitados, as BRIPA resgataram também vários animais que foram igualmente entregues no LxCRAS, como mochos, garças e répteis.
Bairro Madre Deus Lisboa ICNF Brigadas de Proteção Ambiental BriPA LxCRAS polícia
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)