Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Diversão acaba a soco e à facada

No Bairro Alto, um homem foi esfaqueado. No Urban Beach, seguranças terão agredido casal.
Miguel Curado 2 de Novembro de 2014 às 00:45
Homem agredido à facada foi encontrado, inanimado, na travessa dos Fiéis de Deus, no Bairro Alto
Homem agredido à facada foi encontrado, inanimado, na travessa dos Fiéis de Deus, no Bairro Alto FOTO: Pedro Catarino

A madrugada de sábado ficou marcada por violência em zonas de diversão noturna de Lisboa. Três rixas distintas acabaram com cinco feridos, um deles atacado à facada e que está em coma, e com a identificação de quatro suspeitos.

O caso mais grave ocorreu pelas 03h55, na travessa dos Fiéis de Deus, no Bairro Alto. Populares depararam com o corpo de um homem, com cerca de 30 anos, inanimado. A vítima estava rodeada de sangue. Agentes da Polícia Municipal constataram que tinha golpes de faca.

Transportada ao Hospital de São José, mantinha-se ontem internada, em coma. A PSP já recolheu imagens de videovigilância.

Pelas 03h00, mas desta vez junto ao bar La Noche, no Parque das Nações, dois homens desentenderam-se por causa de um piropo a uma mulher. Após as agressões, o mais novo, de 21 anos, disparou uma arma de airsoft contra o mais velho, de 28. Foram identificados e ambos tiveram de receber tratamento.

Às 04h00, a PSP foi chamada à discoteca Urban Beach, em Alcântara, onde há duas semanas o ex-judoca Pedro Soares foi detido por fazer segurança com uma arma de fogo ilegal. Desta vez, três seguranças são acusados de terem agredido um casal, que recebeu assistência hospitalar.

Bairro Alto diversão soco facada esfaqueamento
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)