Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Doze mil fogos em dois meses

Portugal registou mais fogos que Espanha e França juntas.
Secundino Cunha 31 de Agosto de 2015 às 08:24
Área ardida nos últimos dois meses ronda os 50 mil hectares
Área ardida nos últimos dois meses ronda os 50 mil hectares FOTO: Ricardo Almeida
Um número anormal de ignições." É desta forma que o comandante nacional da Proteção Civil retrata os dois primeiros meses da fase Charlie do Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Florestais.

"Em julho e agosto registámos mais de doze mil ignições, um número, para termos uma ideia da dimensão do problema, muito superior ao das ignições registadas em igual período em Espanha e França", disse ao CM José Manuel Moura, admitindo que "os portugueses ainda brincam com o fogo".

"Há um uso negligente do fogo por parte de um grande número de concidadãos nossos e é preciso combater isso com urgência", afirma o responsável da Proteção Civil, lembrando que "este número exagerado de ignições provoca um enorme desgaste às forças de combate no terreno".

José Manuel Moura, que faz amanhã um balanço oficial da época de fogos até agora, diz que a área ardida ronda os 50 mil hectares, "abaixo da média dos últimos dez anos, que foi de 70 mil", mas sublinha que "a média do número de incêndios foi superior a 200 por dia".
fogos incêndios bombeiros Portugal França Espanha
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)