Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

GNR deteve suspeito de atear fogo em Gondomar

Detido vai ser presente este sábado ao Tribunal de Instrução Criminal do Porto.
18 de Agosto de 2018 às 15:03
Guarda Nacional Republicana (GNR)
GNR
Guarda Nacional Republicana (GNR)
GNR
Guarda Nacional Republicana (GNR)
GNR
Um homem de 53 anos, suspeito da prática de incêndio florestal, foi este sábado detido pela GNR do Posto Territorial de Fânzeres, Gondomar.

Em comunicado, a GNR esclarece que "o indivíduo foi visto por populares a atear fogo a área de mato próxima de habitações, tendo o mesmo sido retido pelos populares e entregue aos militares da Guarda".

O incêndio, do qual resultou uma área ardida aproximada de 2.000 metros quadrados de mato, e que colocou habitações em risco, foi combatido pelos Bombeiros Voluntários de Gondomar.

O detido é este sábado presente no Tribunal de Instrução Criminal do Porto, para primeiro interrogatório judicial e aplicação de medidas de coação.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)