Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

GNR identifica suspeito de furto de 130 quilos de alfarroba em Vilamoura

Ação policial insere-se ma operação "Campo Seguro 2020" que as forças da ordem têm em curso desde 1 de junho.
Lusa 26 de Agosto de 2020 às 16:46
Alfarroba apreendida foi avaliada em 102 euros
Alfarroba apreendida foi avaliada em 102 euros FOTO: André Cravinho

As autoridades policiais identificaram na terça-feira um homem suspeito de furtar produtos agrícolas num terreno em Vilamoura, concelho de Loulé, e apreenderam 130 quilosde alfarroba, anunciou esta quarta-feira a Guarda Nacional Republicana (GNR).

O homem, de 41 anos, foi abordado pela Guarda depois de uma patrulha se ter deslocado ao local, alertada por uma denúncia a dar conta da presença de um grupo que ocupava ilegalmente uma habitação em ruínas, contextualizou a GNR num comunicado do Comando Territorial de Faro, que remeteu os factos ao Tribunal de Loulé.

Quando chegaram ao terreno em causa, "os militares da Guarda detetaram o suspeito a apanhar alfarroba" e, apesar de este afirmar que tinha "autorização do proprietário do terreno", a GNR chegou à conclusão de que "o proprietário do terreno não deu permissão", pelo que "foram apreendidos cinco sacos de alfarrobas, com 130 quilos e avaliados em 102 euros".

A mesma fonte recordou que, no distrito de Faro, as autoridades policiais têm em curso desde 1 de junho a operação "Campo Seguro 2020" para promover "ações de sensibilização e fiscalização" e "evitar crimes de furto junto das propriedades agrícolas", sobretudo de produtos com maior valor comercial e facilidade de venda, como é o caso da alfarroba.

GNR Vilamoura GNR Guarda Nacional Republicana polícia alfarroba furto
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)