GNR sem carros nem militares para as zonas de Olhão e Tavira

Associação tem recebido denúncias de falta de efetivos e veículos.
Por João Mira Godinho e Tiago Lima|17.04.19
O posto da GNR em Moncarapacho, no concelho de Olhão, e o de Tavira estão com falta de militares e veículos para responder às ocorrências.

O presidente da União de Freguesias de Moncarapacho e Fuseta, Manuel Carlos, confirmou ao CM o problema: "Tenho conhecimento da falta de efetivos no posto, sei que uns estão de baixa e outros são estagiários. Já fiz chegar este assunto aos responsáveis competentes, mas ninguém resolve o assunto. Nestas duas freguesias habitam mais de sete mil habitantes."

O problema com a falta de meios já ocorre há várias semanas e, segundo o CM apurou, neste período, já existiu um furto a uma moradia em Moncarapacho que obrigou a deslocação até à localidade de uma equipa da GNR de São Brás de Alportel.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!