Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Homem louco de ciúmes incendeia a casa

Arguido começou a ser julgado no Tribunal de S. João, no Porto.
Ana Silva Monteiro 28 de Novembro de 2018 às 08:38
Habitação, em Valbom, Gondomar,  ficou  totalmente destruída
Tribunal São João Novo, no Porto
Tribunal de São João Novo
Habitação, em Valbom, Gondomar,  ficou  totalmente destruída
Tribunal São João Novo, no Porto
Tribunal de São João Novo
Habitação, em Valbom, Gondomar,  ficou  totalmente destruída
Tribunal São João Novo, no Porto
Tribunal de São João Novo
Não aceitou o fim do casamento e, louco de ciúmes, incendiou a casa de dois andares em Valbom, Gondomar, onde vivia com a ex-companheira e o filho de dois anos. O incendiário, de 42 anos, planeou tudo ao pormenor.

No dia 22 de abril, preparou uma espécie de cocktail molotov e, numa altura em que ninguém estava na habitação, lançou o explosivo para o pátio da casa. O homem, acusado de violência doméstica e de incêndio, foi, esta terça-feira, presente ao Tribunal de São João Novo, no Porto, mas negou todas as acusações.

Na primeira sessão de julgamento, a mulher do incendiário relatou os momentos de terror que viveu durante os quatro anos que esteve casada.

A relação começou em janeiro de 2014 e desde essa altura que o arguido se comportava de maneira agressiva e possessiva. A gravidez e o consumo de álcool excessivo por parte do homem veio acentuar as atitudes de violência.

O agressor insultava a mulher, ameaçava-a, agredia-a e dizia- -lhe que o filho não era dele. Estas atitudes ditaram o fim da relação em 2018. No entanto, os dois continuaram a viver na mesma casa. Enquanto o agressor vivia no primeiro andar, a vítima e o filho ficavam no rés do chão da habitação.

Cego de ciúmes por a mulher ter começado uma nova relação, o arguido acabou por agredi-la novamente.

Foi expulso da casa pela PSP e, passado um mês, com um plano bem montado, incendiou a habitação, que ficou totalmente destruída pelas chamas.
PSP Valbom Gondomar Tribunal de São João Novo Porto crime lei e justiça
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)