Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Incêndio em Ovar obrigou à evacuação de casas

Em causa está uma localidade de Válega em que as habitações estão envolvidas por terrenos arborizados.
Lusa 12 de Setembro de 2019 às 19:47
Incêndio em Ovar obrigou ao corte da A1 nos dois sentidos
Incêndio em Ovar obrigou ao corte da A1 nos dois sentidos
Incêndio em Ovar obrigou ao corte da A1 nos dois sentidos
Incêndio em Ovar obrigou ao corte da A1 nos dois sentidos
Incêndio em Ovar obrigou ao corte da A1 nos dois sentidos
Incêndio em Ovar obrigou ao corte da A1 nos dois sentidos
O presidente da Junta de Freguesia de Válega, no concelho de Ovar, disse esta quinta-feira que cerca de 20 casas foram esta tarde evacuadas "por precaução" no lugar de Bustelo, devido ao incêndio que lavra desde as 12h49 no concelho.

Jaime Duarte Almeida referiu à Lusa que "a GNR pediu às famílias para saírem das casas, por precaução" e que os moradores dessa zona do distrito de Aveiro "estão todos bem e o fogo não vai chegar lá porque já passou naquela zona, nas traseiras".

Em causa está uma localidade de Válega em que as habitações estão envolvidas por terrenos arborizados, sobretudo à base de eucalipto, e que está a pouca distância de duas autoestradas, a A1 e a A29.

Cerca das 21h40, os moradores começaram a regressar às habitações, disse à Lusa fonte da Proteção Civil. "(...) As pessoas começaram a regressar às casas", declarou o comandante distrital das operações de socorro de Aveiro, António Ribeiro.

À mesma hora das mesmas declarações, o incêndio, que começou às 12h49, estava a ser combatido por 330 operacionais apoiados por 105 viaturas, segundo a página na internet da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil.
Ovar Bustelo Válega acidentes e desastres incêndios
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)