Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Mãe de assaltante denuncia-o à GNR após encontrar bens furtados no quarto do filho

Mulher encontrou os artigos furtados quando estava a fazer limpezas no quarto do arguido.
João Nuno Pepino 14 de Setembro de 2019 às 01:30
Tribunal de Santarém
Tribunal de Santarém
Tribunal de Santarém
Tribunal de Santarém
Tribunal de Santarém
Tribunal de Santarém

O Tribunal de Santarém vai começar a julgar um homem que foi apanhado na posse de artigos furtados num assalto à Junta de Freguesia de Seiça, Ourém, em dezembro de 2017. O material foi entregue à GNR pela mãe do arguido, que os descobriu escondidos no quarto do filho, quando andava a fazer limpezas.

O arguido, um talhante desempregado de 46 anos, já cumpriu várias penas de cadeia por crimes de furto simples e qualificado, roubo e recetação, segundo o processo a que o CM teve acesso e que começa a ser julgado em outubro.

O cadastrado foi detido pela última vez a 27 de dezembro de 2017, por causa de um assalto a um posto de abastecimento de combustíveis em Ourém, tendo ficado em prisão preventiva.

Na sequência da investigação a este crime na gasolineira, a mãe do arguido, que já tinha apresentado queixa-crime contra ele por violência doméstica, entregou aos militares do posto de Ourém vários objetos que estavam no seu quarto, entre os quais uma máquina fotográfica digital e um disco rígido externo que tinham sido furtados, em dezembro, da Junta de Freguesia de Seiça.

PORMENORES
Crime contra o Estado
O Ministério Público defende que a intenção do arguido era vender os bens furtados a terceiros, obtendo lucros com objetos provenientes de um crime cometido contra o Estado. A recetação é um crime punível com prisão até oito anos.

Valor pouco elevado
O valor dos bens encontrados no quarto do arguido não foi apurado. No entanto, o Ministério Público acredita que não seriam de valor muito elevado. O assalto às instalações da Junta de Freguesia de Seia ocorreu a 15 de dezembro de 2017.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)