Mais de 100 contributos para travar novos hotéis em Portimão

Especialista em geologia alerta para estado de dissolução das rochas e falhas sísmicas.
Por Rui Pando Gomes e José Carlos Eusébio|14.03.19
Mais de 100 pessoas já participaram no processo de consulta pública aberto pela Comissão de Coordenação de Desenvolvimento Regional (CCDR) do Algarve, no âmbito do Estudo de Impacte Ambiental (EIA) apresentado pelos promotores do projeto turístico que prevê a construção de três hotéis junto ao mar na zona de João D’ Arens, em Portimão.

O empreendimento prevê um investimento de 43 milhões de euros e a criação de 400 postos de trabalho. A área abrangida é de 31,7 hectares, desde a rotunda Simon Bolívar até ao acesso ao empreendimento turístico Prainha, com extensão até ao mar.

O projeto prevê a construção de três unidades hoteleiras de cinco estrelas, com um total de 822 camas (411 quartos).

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!