Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Mata à facada e leva 18 anos

Homicida condenado por desferir 19 facadas no corpo da mulher.
Nelson Rodrigues 19 de Dezembro de 2015 às 10:03
Sónia Sousa foi morta com 19 facadas. José foi condenado esta sexta-feira
Sónia Sousa foi morta com 19 facadas. José foi condenado esta sexta-feira FOTO: Eduardo Martins
José Sousa, 40 anos, discutiu com a mulher por causa de 10 euros – que a vítima pediu para fazer compras. Revoltado, o homem pegou numa faca de cozinha e desferiu 19 facadas na cara e no peito de Sónia Sousa, de 39, que estava a adormecer um filho menor, no apartamento em que viviam, em Fânzeres, Gondomar.

O homicida foi esta sexta-feira condenado no Tribunal de S. João Novo, no Porto, a 18 anos de cadeia. Terá ainda de pagar 205 mil euros de indemnização aos dois filhos.


O homem respondeu por um crime de homicídio qualificado. "Todos os anos morrem 40 mulheres às mãos dos maridos. Não se percebe o que se passa pela vossa cabeça. As mulheres não são vossa propriedade", disse a juíza ao homem que matou por um motivo fútil.

"A vítima só estava a ser boa mãe, boa mulher e mais autónoma, mas o senhor não conseguiu lidar com isso", referiu a magistrada. O crime ocorreu a 8 de novembro de 2014. Em tribunal o homicida disse que ainda amava a vítima.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)