Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Mecânico acusado de burlas defende mãe de Angélico

'Miguel dos Ferraris' disse que a intenção do cantor era vender dois carros.
Ana Isabel Fonseca 28 de Outubro de 2016 às 09:24
Angélico Vieira
'Miguel dos Ferraris' com o ator e cantor Angélico Vieira, de quem era amigo e mecânico
Angélico Vieira morreu em 2011
rita pereira, angélico vieira
angélico vieira, acidente, tribunal, estarreja, a1, vídeo
Filomena Vieira com o filho, Angélico Vieira
Angélico Vieira
Cantor Angélico Vieira morreu após um acidente na A1
O acidente que vitimou Angélico Vieira foi, à semelhança de outros sinistros com mortos, alvo da abertura de um processo-crime. O Ministério Público de Aveiro poderá acusar alguém de homicídio por negligência
Angélico Vieira morreu aos 28 anos na sequência do acidente na A1
angélico vieira, acidente, a1, bmw
Angélico terá comprado o carro quatro dias antes do acidente
Anita Costa insistiu até ao último momento para que o cantor a levasse na viagem de carro até Lisboa. Este recusou e zangaram-se
angélico vieira, morte, cantor, acidente, a1, letra, investigação, suspeitas
O estado de Angélico era muito crítico. Os médicos que o assistiram perceberam de imediato que não havia esperança de vida e contactaram os receptores de órgãos para fazerem testes
Angélico Vieira
Angélico Vieira
'Miguel dos Ferraris' com o ator e cantor Angélico Vieira, de quem era amigo e mecânico
Angélico Vieira morreu em 2011
rita pereira, angélico vieira
angélico vieira, acidente, tribunal, estarreja, a1, vídeo
Filomena Vieira com o filho, Angélico Vieira
Angélico Vieira
Cantor Angélico Vieira morreu após um acidente na A1
O acidente que vitimou Angélico Vieira foi, à semelhança de outros sinistros com mortos, alvo da abertura de um processo-crime. O Ministério Público de Aveiro poderá acusar alguém de homicídio por negligência
Angélico Vieira morreu aos 28 anos na sequência do acidente na A1
angélico vieira, acidente, a1, bmw
Angélico terá comprado o carro quatro dias antes do acidente
Anita Costa insistiu até ao último momento para que o cantor a levasse na viagem de carro até Lisboa. Este recusou e zangaram-se
angélico vieira, morte, cantor, acidente, a1, letra, investigação, suspeitas
O estado de Angélico era muito crítico. Os médicos que o assistiram perceberam de imediato que não havia esperança de vida e contactaram os receptores de órgãos para fazerem testes
Angélico Vieira
Angélico Vieira
'Miguel dos Ferraris' com o ator e cantor Angélico Vieira, de quem era amigo e mecânico
Angélico Vieira morreu em 2011
rita pereira, angélico vieira
angélico vieira, acidente, tribunal, estarreja, a1, vídeo
Filomena Vieira com o filho, Angélico Vieira
Angélico Vieira
Cantor Angélico Vieira morreu após um acidente na A1
O acidente que vitimou Angélico Vieira foi, à semelhança de outros sinistros com mortos, alvo da abertura de um processo-crime. O Ministério Público de Aveiro poderá acusar alguém de homicídio por negligência
Angélico Vieira morreu aos 28 anos na sequência do acidente na A1
angélico vieira, acidente, a1, bmw
Angélico terá comprado o carro quatro dias antes do acidente
Anita Costa insistiu até ao último momento para que o cantor a levasse na viagem de carro até Lisboa. Este recusou e zangaram-se
angélico vieira, morte, cantor, acidente, a1, letra, investigação, suspeitas
O estado de Angélico era muito crítico. Os médicos que o assistiram perceberam de imediato que não havia esperança de vida e contactaram os receptores de órgãos para fazerem testes
Angélico Vieira
'Miguel dos Ferraris', o antigo mecânico de Angélico Vieira, que está a ser julgado por burlas com carros, testemunhou ontem a favor da mãe do cantor, no Tribunal da Póvoa de Varzim.

Em causa está um ação intentada por Filomena Vieira contra o stand Impocar, de onde saiu o BMW 635 envolvido no acidente que vitimou o cantor.

Filomena diz que o contrato deste carro foi falsificado e exige 134 mil euros, valor referente a um Audi e a um Ferrari de Angélico, que o dono do stand alega terem sido entregues para troca.

‘Miguel dos Ferraris’ disse que Angélico deixou os carros no stand, mas que a sua intenção era vendê-los e não proceder à troca por outro veículo. Admitiu ainda que, em maio de 2011, um mês antes do acidente, esteve no stand de Augusto Fernandes, precisamente quando Angélico lá deixou o Ferrari para o vender.

O antigo mecânico, que foi libertado há 2 semanas após ter estado um ano e meio na cadeia de Caxias, disse ainda que o valor pedido pela mãe do cantor é mais do que justo. Junto aos autos está uma perícia que comprova que a assinatura do cantor foi forjada.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)