Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Ministério Público confirma que vai constituir como arguidos os secretários de Estado

Em causa as viagens oferecidas pela Galp a três membros do Governo para verem o Euro 2016.
10 de Julho de 2017 às 12:46
Fernando Rocha Andrade
Jorge Costa Oliveira
João Vasconcelos
Os secretários de Estado exonerados por causa das viagens ao Euro 2016
Jorge Oliveira, António Costa e Cavaco Silva
GALP
Fernando Rocha Andrade
Jorge Costa Oliveira
João Vasconcelos
Os secretários de Estado exonerados por causa das viagens ao Euro 2016
Jorge Oliveira, António Costa e Cavaco Silva
GALP
Fernando Rocha Andrade
Jorge Costa Oliveira
João Vasconcelos
Os secretários de Estado exonerados por causa das viagens ao Euro 2016
Jorge Oliveira, António Costa e Cavaco Silva
GALP
O Ministério Público anunciou esta sexta-feira que constitui arguidos os três secretários de estado que se demitiram do Governo. Em causa estão a viagens pagas pela Galp a França para os governantes verem jogos de Portugal no Euro 2016

No comunicado lê-se o seguinte: 

"No âmbito do inquérito relacionado com viagens ao Euro2016, o Ministério Público determinou a constituição como arguidos de três secretários de Estado agora exonerados [João Vasconcelos - Internacionalização; Francisco Rocha Andrade - Assuntos Fiscais e Indústria), estando em curso diligências para a concretização desse despacho.

No processo investiga-se o pagamento pela Galp Energia S.A. de viagens, refeições e bilhetes para diversos jogos da seleção nacional no Campeonato Europeu de Futebol de 2016.

Em causa estão factos suscetíveis de integrarem a prática de crimes de recebimento indevido de vantagem, previstos na Lei dos Crimes de Responsabilidade de Titulares de Cargos Políticos (Lei 34/87 de 16 de julho).

No inquérito foram, até ao momento, constituídos três arguidos - um chefe de gabinete, um ex-chefe de gabinete e um assessor governamental. Nesta investigação, que corre termos no DIAP de Lisboa, o Ministério Público é coadjuvado pela Polícia Judiciária.

O inquérito encontra-se em segredo de justiça."
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)