Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Morre no hospital após tentar matar

Fábio Santos baleou a mulher na cara e tentou suicidar-se.
Ana Palma e Rui Pando Gomes 9 de Fevereiro de 2015 às 08:01
Fábio Santos baleou a mulher junto ao Lake Resort. A GNR isolou o local e a PJ recolheu vestígios nos carros da vítima e do agressor
Fábio Santos baleou a mulher junto ao Lake Resort. A GNR isolou o local e a PJ recolheu vestígios nos carros da vítima e do agressor FOTO: Pedro Noel da Luz

Três dias depois de ter baleado a mulher e de ter disparado um tiro na cabeça, Fábio Santos, de 35 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu no Hospital de Faro. O óbito foi declarado ao início da noite de sábado, confirmou ao CM fonte hospitalar.

A vítima, Fátima Jesus, de 30 anos, continuava ontem internada na Unidade de Cuidados Intensivos com prognóstico muito reservado. O seu estado clínico é, contudo, considerado mais favorável.

Tal como o CM noticiou, o crime passional foi cometido em Vilamoura, junto ao Lake Resort, quando Fátima ia trabalhar no spa daquele empreendimento turístico de luxo.

O casal, que tem uma filha de cinco anos, estava em processo de divórcio, mas Fábio Santos, natural de Castro Daire, Viseu, não aceitava o fim da relação. Na quinta-feira, fez uma espera à ainda mulher e discutiram. Fábio partiu o vidro do carro de Fátima e baleou-a na cara. De seguida deu um tiro na própria cabeça. Os dois foram encontrados estendidos no chão, gravemente feridos, junto aos carros, cerca das 10h30. Foram ambos socorridos no local por várias equipas do INEM e transportados para o Hospital de Faro. A GNR de Vilamoura foi a primeira a chegar e isolou o local do crime. A investigação do caso foi entregue à Polícia Judiciária de Faro.

Ver comentários