Câmara de Pedrógão Grande garante que não há "ilegalidade nenhuma" na reconstrução das casas

Valdemar Alves reafirmou que todas as casas reconstruídas a partir do fundo Revita são "de primeira habitação".
Por Lusa|10.09.18
  • partilhe
  • 2
  • +

O presidente da Câmara de Pedrógão Grande, Valdemar Alves, garantiu esta segunda-feira que não há "ilegalidade nenhuma" no processo de reconstrução das casas afetadas pelo incêndio de 2017 e que não há obras em casas que não arderam.

Antes de entrar na sessão da Assembleia Municipal Extraordinária que vai esta segunda-feira debater o tema e que decorre na Casa da Cultura de Pedrógão Grande, Valdemar Alves alegou que "não há ilegalidade nenhuma" no processo, frisando também que, da sua parte, "não há irregularidades, de certeza absoluta".

Para o autarca, poderá haver uma ou outra "irregularidade na entrega ou não de um documento ou problemas com o número de contribuinte, mas não é por aí que se vai às fraudes e essas coisas".

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!