Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Polícia acaba com festa ilegal com 30 pessoas em restaurante na Costa da Caparica

Responsável do estabelecimento foi multado pelo incumprimento das medidas de combate à Covid-19.
5 de Novembro de 2020 às 22:20
Festa
Festa FOTO: Direitos Reservados
A Polícia Marítima acabou com uma festa ilegal com cerca de 30 pessoas num restaurante, na Costa da Caparica, durante a madrugada desta quinta-feira.

O Comando-local da Polícia Marítima de Lisboa fazia "policiamento e fiscalização com vista ao cumprimento das medidas em vigor para a prevenção da pandemia de Covid-19, direcionada a estabelecimentos de restauração, na zona entre a Costa de Caparica e a Fonte da Telha", informa a fonte policial em comunicado.

Num dos estabelecimentos fiscalizados, estava a decorrer uma festa que juntava cerca de 30 pessoas, o que é proibido devido às novas restrições para combater a Covid-19. Os participantes da festa também não usavam e máscaras de proteção, nem praticavam o distanciamento social.

A Polícia Marítima determinou de imediato a suspensão do evento e impôs o distanciamento social entre as pessoas, tendo identificado e multado o responsável do estabelecimento pelo incumprimento das medidas estabelecidas na última Resolução do Conselho de Ministros, no âmbito da pandemia da Covid-19. 

Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Costa da Caparica Polícia Marítima Costa Covid-19 crime lei e justiça polícia questões sociais
Ver comentários