Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

PSP deteve suspeito de furtar arte sacra no valor de 50 mil euros em Vila Real

Suspeito tem 45 anos e foi visto carregando vários artigos.
Lusa 12 de Abril de 2018 às 17:55
PSP
PSP
PSP
PSP
PSP
PSP
A PSP de Vila Real deteve um homem suspeito de ter furtado vários artigos de arte sacra, num valor superior a 50 mil euros, do interior de uma igreja, localizada num dos cemitérios da cidade, divulgou esta quinta-feira aquela força.

A detenção do homem de 45 anos foi feita por polícias da Esquadra de Vila Real, após terem sido alertados de que um indivíduo andava a pé, numa artéria da cidade, carregando vários artigos de arte sacra.

Os agentes intercetaram o suspeito e apuraram que os objetos tinham sido furtados do interior da igreja de São Dinis, localizada no interior do cemitério de São Dinis.

Segundo informações recolhidas pela polícia junto dos responsáveis da igreja, as peças furtadas têm um valor superior a 50 mil euros.

A PSP disse que o suspeito tinha na sua posse dez castiçais em prata, duas jarras floreira em prata, um recipiente de forma oval em latão de cor dourado, uma bandeja/salva em prata, um crucifixo em madeira, com Jesus Cristo em cobre, uma barra circular em metal tipo lança com cerca 70 centímetros.

Posteriormente e num jardim das proximidades, camuflados com ervas e arbustos, os agentes encontraram mais duas imagens de santos (São Fortuoso e Santa Luzia) em madeira esculpida.

O suspeito vai ser presente a primeiro interrogatório judicial no Tribunal da Comarca de Vila Real, para aplicação de eventuais medidas de coação.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)