SEF deteta em Estremoz estabelecimento de "alterne e prostituição"

Proprietários do estabelecimento foram notificados para comparecerem em tribunal para interrogatório.
13.10.18
O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) anunciou este sábado ter detetado, numa ação de fiscalização, um estabelecimento de diversão noturna em Estremoz (Évora) "onde se praticava o alterne e a prostituição".

O SEF, em comunicado divulgado este sábado, explicou que a operação decorreu "no final da semana", no âmbito de uma investigação relacionada com "indícios da prática de crimes de auxílio à imigração ilegal e lenocínio".

Os 15 inspetores do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras que estiveram envolvidos na ação apreenderam uma "vasta prova que confirmou" estes mesmos indícios, pode ler-se no comunicado.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!