Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

TEATROS E RESTAURANTES RESISTEM NO PARQUE MAYER

Quatro teatros, quatro restaurantes, as bilheteiras e as antigas instalações do Pavilhão de Portugal é o que fica no Parque Mayer, em Lisboa, depois de concluída, hoje, a operação de demolição das construções precárias ali edificadas nos últimos anos.
27 de Agosto de 2002 às 22:31
Concretizada pela BragaParques, a empresa proprietária do espaço, a pedido da câmara, a operação antecede o anúncio do futuro do local, que será dado a conhecer no dia 6 de Setembro.

O futuro do Parque Mayer passará pela recuperação de três dos quatro teatros. Ao que tudo indica, serão o Capitólio, Variedades e Maria Vitória os espaços a manter, prevendo-se que o teatro ABC, pela degradação e falta de “interesse” arquitectónico, venha a ser demolido.

Segundo João Ribas Vieira, produtor executivo do Maria Vitória, “o Variedades está em aceitável estado de conservação. O Capitólio nem por isso mas está classificado. Já o Maria Vitória, para além de ter uma arquitectura agradável, é o único teatro que se mantém em actividade”.

Para além das quatro casas de espectáculo, o parque mantém quatro restaurantes abertos ao público. São eles ‘O Manecas’, ‘A Gina’, ‘O Manel’ e o ‘Bibicas’. Os dois últimos estão encerrados para férias.

Estas casas de restauração devem também ser mantidas no projecto a apresentar, podendo, quando muito, sofrer alguns melhoramentos.

“O objectivo, pelo menos o que nos foi dado a entender, é que querem tornar este espaço mais aprazível”, frisa João Ribas Vieira, lembrando que há algum tempo, o presidente da câmara visitou o parque na companhia do cenógrafo José Costa Reis.

Refira-se que Santana Lopes também já solicitou ao Laboratório Nacional de Engenharia Civil um estudo para determinar o estado de degradação e de sustentabilidade dos teatros.

O autarca anunciou que o futuro do parque será dado a conhecer no dia 6 de Setembro, mas o projecto terá de ser aprovado pelo Instituto Português do Património Arquitectónico que, ontem, não tinha ainda recebido qualquer documento.

História

Jardim

O Palácio Mayer, hoje propriedade do Estado espanhol, que tem aqui instalado o seu consulado, tinha um jardim que, em 1921, foi adquirido por vários comerciantes constituídos na Sociedade Avenida Parque, dirigida por Luís Galhardo. O Parque Mayer, recinto de diversões, foi inaugurado a 5 de Julho de 1922 com o objectivo de dar a ver grandes realizações no campo dos espectáculos.

Teatros

O teatro Maria Vitória abriu as portas no dia 1 de Julho de 1922, com a revista ‘Lua Nova’. A 8 de Julho de 1926 foi inaugurado o Variedades e, anos mais tarde, o Capitólio. Para além dos teatros, o Parque Mayer ganhou cafés, restaurantes, barracas de tiro, carrosséis e foi palco de luta livre. Muitos consideram-no um testemunho da cultura popular.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)