Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

“Vi a vida por um fio com o clarão do tiro”

O Audi A4 chamou a atenção. Agentes da Esquadra de Investigação Criminal (EIC) da PSP de Sintra descobriram-no parado numa rua do Cacém, avançando para identificar suspeitos. De repente um Honda Accord arranca de marcha atrás, e os agentes escapam por uma nesga ao atropelamento. A viatura da PSP é abalroada.
10 de Setembro de 2008 às 00:30
A estação de serviço da Repsol da 2.ª Circular, em Lisboa, foi um dos alvos do gang que alvejou a PSP
A estação de serviço da Repsol da 2.ª Circular, em Lisboa, foi um dos alvos do gang que alvejou a PSP FOTO: Manuel Moreira

Poucos segundos depois, um disparo de revólver sai do interior do Honda. Um agente da EIC não é atingido por pouco. O trio foge em grande velocidade.

"Vi a vida por um fio com o clarão do tiro". O CM apurou que foi esta a primeira reacção do agente. As comunicações policiais sucediam-se, e de imediato foi possível ligar os três jovens a uma vaga de crimes.

Pelas 22h20 de segunda-feira, o grupo assaltou a Repsol da 2ª Circular, em Lisboa, fugindo com 300 euros. Quinze minutos depois era roubado, por carjacking, o Honda Accord usado na fuga à PSP de Sintra. O crime ocorreu na rua Pinheiro Borges, em Alfragide.

À meia-noite em ponto, o gang, já com duas viaturas, assaltou o restaurante O Cortador’ na Terrugem, Sintra. Roubaram dois mil euros da caixa registadora, subtraindo ainda seis telemóveis a clientes e funcionários.

Após ter conseguido escapar à PSP de Sintra, a noite do grupo termina pela 01h00, com um assalto às bombas da BP do IC30, perto de Pêro Pinheiro.

Horas depois, o Honda Accord usado nos crimes foi encontrado abandonado em Carnaxide, Oeiras, com vários telemóveis roubados no interior. A PSP de Sintra investiga todos os crimes do grupo, cometidos sem arma de fogo. A PJ averigua a tentativa de homicídio do agente da PSP.

PORMENORES

HAPPY GRILL

O Audi A4 que os três assaltantes usaram no roubo à Repsol da 2.ª Circular, é o mesmo usado, a 27 de Agosto, no assalto às churrasqueiras Happy Grill na Tapada das Mercês e emOdivelas.

IDENTIFICADO

Pelo menos um assaltante está identificado. É do concelho de Sintra, e está referenciado.Pouco se sabe ainda sobre os outros dois.

PSP SEM CARRO

A Esquadra de Investigação Criminal da PSP de Sintra ficou sem o único carro de trabalho, com que garantia a segurança de 500 mil habitantes do concelho.

 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)