Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
5

Câmara do Seixal defende construção de hospital no concelho

Autarquia está preocupada com a sobrelotação no Hospital Garcia de Horta.
7 de Agosto de 2015 às 16:02
Joaquim Santos, presidente da Câmara Municipal do Seixal
Joaquim Santos, presidente da Câmara Municipal do Seixal FOTO: Vítor Mota
A Câmara do Seixal defendeu esta sexta-feira a necessidade de um hospital no concelho, referindo que o Hospital Garcia de Orta, no município vizinho de Almada, foi construído para 150 mil habitantes e serve mais de 450 mil pessoas.

"Existe a preocupação pela sobrelotação do serviço de urgências do Hospital Garcia de Orta, que resulta em longas horas de espera dos utentes e seus familiares", indica o documento.

"A Câmara Municipal do Seixal reitera a sua firme disposição de tudo fazer para que a construção do novo hospital no Seixal seja uma realidade no mais curto prazo, bem como reafirma a necessidade de um forte investimento nos cuidados de saúde primários no concelho e na região de Setúbal", acrescentou a autarquia.

O município lembrou que entregou uma petição na Assembleia da República, subscrita por 8.237 pessoas, a defender o novo hospital e que em 2009 assinou um acordo estratégico com o Governo que definia que o hospital do concelho estaria concluído em 2012.
Seixal Hospital
Ver comentários