Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
9

Comer ovos em dias de muito calor? Saiba que alimentos evitar no verão

Produtos devem ser guardados à temperatura de refrigeração de forma a evitar reações como vómitos e diarreias.
Mariana Óca e Francisca Genésio 13 de Julho de 2019 às 11:57
Refrigerantes devem ser evitados. São de digestão lenta
Alimentação saudável
Alimentação saudável
Refrigerantes devem ser evitados. São de digestão lenta
Alimentação saudável
Alimentação saudável
Refrigerantes devem ser evitados. São de digestão lenta
Alimentação saudável
Alimentação saudável
De portas abertas para a estação mais quente do ano, com dias maiores, repletos de sol e a convidar a uma ida à praia, há cuidados a ter no que diz respeito à alimentação, sobretudo se for no areal.

"Os alimentos devem estar acondicionados à temperatura de refrigeração adequada para evitar reações no organismo, como vómitos, diarreias, dores de estômago ou, por vezes, febre", explica ao Correio da Manhã a nutricionista Lillian Barros.

De acordo com a especialista, alimentos como "ovos, principalmente quando crus em preparações como maioneses e mousses, produtos lácteos como o leite, requeijão e iogurtes, assim como os patés, são desaconselhados ao consumo em dias de calor".

Lillian Barros acrescenta que o ideal é manter estes produtos "sempre no frigorífico e só retirá-los na hora em que for consumi-los". Deve evitar ainda produtos como os enchidos, fiambre, mortadela, assim como o marisco.

Para esta época do ano, a especialista aconselha a que se opte por alimentos saudáveis, de fácil digestão e ricos em água. Diretamente relacionado com o aumento da temperatura está o aumento da transpiração e, por isso, a hidratação torna-se essencial nesta altura do ano.

A ingestão de água torna-se, por isso, obrigatória. "Água aromatizada, sumos de frutas e vegetais ou de coco", são algumas das opções, aconselha Lillian Barros.

Por outro lado, é importante evitar "bebidas ricas em açúcares, como refrigerantes, sumos artificiais, e ricos em gorduras" que, apesar de frescos e irresistíveis, são opções de "digestão lenta" e "pobres em nutrientes de qualidade".

"Sumo de fruta pela manhã"
Lillian Barros, nutricionista e escritora
CM - Que alimentos deve ter um pequeno-almoço saudável no verão?
Lillian Barros – Um sumo de fruta com vegetais pela manhã, por exemplo, como o sumo verde, ovos mexidos e uma fatia de pão de malte. A meio da manhã, comer tomate-cereja e palitos de cenoura crua.
– E ao almoço?
– Recomendo uma salada e legumes crus, com mozarela de búfalo, lascas de bacalhau e grão-de-bico ou um ‘wrap’ de frango e vegetais com salada de rúcula, abacate, manga, alho francês e tomate. Ao lanche recomendo uma mistura de frutos secos com uma peça de fruta como abacaxi, melancia, kiwi, morango, papaia.

PORMENORES 
Atenção às crianças
Os pais devem ter especial atenção à alimentação das crianças. A ingestão de alimentos ‘pesados’, com molhos e excesso de gordura, é desaconselhada por Lillian Barros, assim como o consumo de salgados, refrigerantes e doces.

Refeições mais leves
A nutricionista Lillian Barros defende, para este verão, um maior consumo de "refeições mais leves e ricas em vitaminas e minerais", acompanhadas por "água ou sumos de frutas e vegetais sem adição de açúcar".
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)