DGS declara fim de surto de Legionella na CUF

Ainda há dois doentes a receber tratamento.
Por Lusa|17.02.18
A Direção-Geral da Saúde (DGS) declarou este sábado o fim do surto de 'legionella' no hospital CUF Descobertas, em Lisboa, que infetou 15 pessoas, duas das quais ainda internadas em cuidados intensivos.

"De acordo com a literatura científica, o período de incubação é de dois a 10 dias na maioria dos doentes, não estando descritos casos que ultrapassem os 20 dias. Assim, com a informação disponível, considera-se que este surto está terminado, uma vez que todos os casos diagnosticados, independentemente da data de início de sintomas ou de diagnóstico, tiveram contacto com o hospital e contraíram a infeção antes do tratamento da fonte de transmissão (28 de janeiro)", refere a nota da DGS divulgada este sábado, indicando que contudo as autoridades continuam atentas à situação.

O surto tinha sido detetado no final de janeiro, quando foram diagnosticados dois casos de infeção por 'legionella' na unidade privada de saúde de Lisboa.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!