Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
6

Escala de cirurgia do Hospital de Faro está preenchida em agosto

Serviço de Urgência cirúrgica sem falhas. Líder do centro hospitalar quer diminuir tempos de espera.
Diana Santos Gomez 30 de Julho de 2020 às 08:42
Nova administração dos hospitais algarvios é constituída por Joaquim Correia, Ana Castro e Paulo Neves
Nova administração dos hospitais algarvios é constituída por Joaquim Correia, Ana Castro e Paulo Neves FOTO: Nuno Alfarrobinha
A escala do mês de agosto do serviço de Urgência de Cirurgia Geral do hospital de Faro "está totalmente preenchida ". A informação foi confirmada esta quarta-feira ao CM por Ana Castro, a nova presidente do Conselho de Administração do Centro Hospitalar Universitário do Algarve (CHUA). A mais recente falta de cirurgiões na unidade de Faro registou-se em meados de julho, altura em que ainda estava em funções a antiga administração.

A médica oncologista adiantou ao CM que, na terça-feira, já foram feitas onze cirurgias de caráter urgente em Faro. Na primeira entrevista como administradora do CHUA, afirmou que "recuperar as listas de espera" para cirurgias e consultas é uma das prioridades. Ana Castro, de 43 anos, tomou posse no final deste mês. Atualmente reconhece ter "algumas limitações financeiras" e "instalações mais deficitárias".

Apesar disso, está confiante de que ao "melhorar as condições de trabalho" e dialogando com os profissionais é possível superar tudo. Questionada sobre a construção do novo hospital central, adiada há vários anos, não hesitou em dizer que gostaria de ter essa infraestrutura. A líder do CHUA admitiu ainda que haverá um reforço de meios se aumentar o número de infetados pela Covid-19.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)