Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
5

Fenprof acusa PS de criar crise artificial com tempo de serviço dos professores

Mário Nogueira fez declarações durante conferência de imprensa, em Coimbra.
Lusa 5 de Maio de 2019 às 20:51
Mário Nogueira,  secretário-geral da Fenprof
Mário Nogueira,  secretário-geral da Fenprof
Mário Nogueira,  secretário-geral da Fenprof
Mário Nogueira,  secretário-geral da Fenprof
Mário Nogueira,  secretário-geral da Fenprof
Mário Nogueira,  secretário-geral da Fenprof
Mário Nogueira,  secretário-geral da Fenprof
Mário Nogueira,  secretário-geral da Fenprof
Mário Nogueira,  secretário-geral da Fenprof

O secretário-geral da Fenprof, Mário Nogueira, acusou este domingo o PS de ter criado uma crise artificial no país a propósito da aprovação na Assembleia da República da contabilização de todo o tempo de serviço dos professores.

Em Coimbra, numa conferência de imprensa, o dirigente sindical salientou que existe " uma crise artificial criada por um partido, que quer aproveitar uma coisa que não é verdadeira, nos termos em que tem dito relativamente à contagem de tempo dos professores".

Quanto aos custos que esta aprovação poderia acarretar, Mário Nogueira disse que o Governo tem vindo a avançar com números que são "uma verdadeira mentira".

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)