Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
7

Medicina alternativa aumenta nos hospitais públicos

Cursos de terapias alternativas estão esgotados.
C.C. 6 de Dezembro de 2015 às 12:54
Já há centenas de doentes que beneficiam da acupuntura em Portugal
Já há centenas de doentes que beneficiam da acupuntura em Portugal FOTO: Vítor Mota

A maioria dos hospitais públicos em Portugal já disponibiliza medicinas alternativas aos utentes. A acupuntura médica, diferente da utilizada na medicina chinesa, é a terapia alternativa mais utilizada. No entanto, já vários hospitais nacionais disponibilizam também a osteopatia e o reiki.

A elevada procura das terapias não convencionais, cujas consultas por ano triplicaram em vários hospitais públicos, já fez com que os cursos para formar médicos nesta área esgotassem.

"Neste momento estão cheios e há quase 30 médicos em espera", explicou ao Diário de Notícias Helena Ferreira, coordenadora da competência de acupuntura médica da Ordem dos Médicos.

Hospitais conquistados pelas alternativas à medicina tradicional:
– Centro Hospitalar do Porto;
– Hospital de São João;
– Hospital da Feira;
– Centro Hospitalar Tondela-Viseu;
– Hospital de Braga;
– IPO do Porto;
– IPO de Coimbra;
– Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra;
– Hospital de Leiria;
– Hospital de Vila Franca de Xira;
– Hospital de Santa Maria;
– Hospital Beatriz Ângelo;
– Centro Hospitalar de Setúbal;
– Hospital Garcia da Orta;
– Centro Hospitalar de Lisboa Central;
– Hospital Amadora-Sintra.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)